início da navegação

RESENHAS

(para fazer uma pesquisa, utilize o sistema de buscas no site) VOLTAR IMPRIMIR FAZER COMENTÁRIO ENVIAR POR E-MAIL

Romanceiro do Rio Parnaíba

Joséllia Costandrade*

O Romanceiro do rio Parnaíba, retrato múltiplo e multidimensional do rio, da terra por ele banhada e dos homens, seus filhos é, antes de tudo, uma retribuição à generosidade e à ternura do rio, um louvor que evoca memoráveis palavras dos Quatro quartetos de T.S. Elliot: "Não sei muita coisa acerca de deuses, mas creio que o rio / É um poderoso deus castanho..."

A autora desse verdadeiro guia, cartografia e enciclopédia poética piauiense, encontra no rio Parnaíba uma revelação do que era no princípio e que não deixa de sustentar a vida a cada instante, temporal e eterno ao mesmo tempo. Louvar o rio significa, portanto, louvar tudo o que existe e que poderia nunca ter existido, coisas da natureza, coisas da cultura. Louvar inclusive a própria forma de louvor, a poesia, fazendo com que as suas formas herdadas, tradicionais, fiquem plasmadas com a matéria sempre nova da palavra e do mundo nu ritmo incessante que leva além e além.

Henryk Siewierski
Diretor do Instituto de Letras da Universidade de Brasília
Coordenador da Coleção Poetas do Mundo


NOVO JEITO DE DECANTAR A HISTÓRIA

Um outro jeito de contar...é assim que descrevo esta obra literária. Expressando a realidade histórica de um povo na musicalidade de seus versos, traduz os mistérios do rio Parnaíba, criando ao mesmo tempo uma atmosfera de sonho para o leitor.

Retomando as vias por onde transcorre o rio, sentimos a evasão da vida diante da natureza, no culto a religiosidade, no valor cultural da mulher, na devoção ao amor, no dever de um povo com sua nação e na grandeza moral da história de uma civilização ladeada pelas águas do Parnaíba.

Os versos relatam a cultura e nos trazem certezas de nossas histórias, esquecidas pelo povo brasileiro, mas que, nas lembranças da autora, transformam-se em diálogos com o leitor, permitindo traçar um variado painel de nossa realidade.

Sueli Aparecida Rosada Malosso
Professora - SEDF

Sobre o Autor

Joséllia Costandrade: Escritora, Brasília/DF.






 

< ÚLTIMA RESENHA PUBLICADA | TODAS | PRÓXIMA RESENHA >

LEIA MAIS

Lobato revisitado,  por Ronaldo Cagiano.
Nesse trabalho, Alaor Barbosa destaca sobretudo a importância do Monteiro Lobato como ficcionista e como intelectual que pensou o Brasil e lançou as bases de um pensamento nacionalista e de valorização dos nossos recursos naturais e humanos, ao lado de sua destacada atuação como escritor de livros infantis.  Leia mais
Alguém para Correr Comigo,  por David Grossman.
A cidade sagrada de judeus, cristãos e muçulmanos é vista do seu submundo, no qual se abrigam jovens drogados e moradores de rua.  Leia mais

Faça uma pesquisa no sítio

Utilizando-se uma palavra no formulário, pesquisa-se conteúdo no Sítio VerdesTrigos.

Ir ao início da página