início da navegação

RESENHAS

(para fazer uma pesquisa, utilize o sistema de buscas no site) VOLTAR IMPRIMIR FAZER COMENTÁRIO ENVIAR POR E-MAIL

Poesia Pois é Poesia

.::. Verdes Trigos Cultural .::.*

Poesia pois é poesia, cuja primeira edição é de 1967, inclui praticamente toda a obra poética de Décio Pignatari, criada ao longo de cinco décadas, além de traduções e inéditos, e exclui apenas umas vinte composições dispersas em publicações variadas.

De modo geral, percebe-se que a disposição do autor é antes a de cortar do que a de acrescentar, mesmo sendo relativamente pouca a sua produção. Pouca, mas decisiva, tanto para a formulação das possibilidades efetivas do concretismo (seu lance de maior alcance, embora não exclusivo), quanto para o restante da sua produção, seja ela prosa de ficção, ensaio semiótico, literário, artístico ou arquitetônico. No centro de toda sua atividade intelectual está, pois é, a poesia.

Divide-se a obra em três partes: a primeira - Poesia Pois É - reúne a base de sua formação poética, em versos. Há ali momentos admiráveis, como, para dar o exemplo mais contundente, o poema O Jogral e Prostituta Negra. A segunda parte, sob a rubrica Pois é Poesia, apresenta o momento de mutação representado pela poesia concreta, no qual tem papel destacado, além de ser autor do poema que talvez seja o mais bem realizado de todo o projeto concretista Babe Coca.

A terceira parte do livro, Poetc., depois dos chamados poemas semióticos ou sem palavras, significa uma retomada de quase tudo o que fez antes, incluindo-se aí o antes desprezado verso, numa abertura que visa a captar encantos da arte poética, antiga e nova, de modo a admitir uma tradição sem tornar-se tradicionalista.

Nesta última parte, na qual há também vinhetas visuais e musicais, o número de traduções alcança o das composições originais. Então, além da imitação das palavras sedutoras de Chénier, Villon, Shakespeare, Emily Dickinson e Browning (das partes anteriores), vem a dos versos de Rilke, Horácio, Arquíloco, Heine, Goethe, Marguerite Young, Corso, Apollinaire, Iqbal, Bashô, Baudelaire, Vidal.

Em quase tudo, o lírico, o ideológico, o irônico, o satírico.

A poesia modernista, iniciada com a Semana de Arte Moderna de 1922, bem como a poesia concreta, lançada em dezembro de 1956 no Museu de Arte Moderna de São Paulo, levaram algum tempo para atingir um público mais amplo. Mas, hoje, tanto uma quanto a outra são decisivas para a compreensão do que se entende por poesia brasileira do século XX. Enquanto a primeira construiu a sua novidade sobre o lema da libertação da suposta camisa-de-força imposta pelas rimas e métricas, a segunda o fez em torno do combate à exclusividade do verso e do logos sobre os vários sentidos da poesia, incorporando ao seu fazer, com máximo destaque,o significante, o signo visual. Este livro apresenta cinqüenta anos de poesia de Décio Pignatari, um dos criadores do movimento concretista e de uma poesia em que a palavra vira figura sonora, visual, quase táctil.

Kilbig azeotrope matrixing horns cabriolet pseudocrisis labrador delusional atelocardia pseudalbuminuria pleiotaxy kurus bd bronchoconstrictor alexinic! Veratryl roadie, erysipelatous filmotype calycin. spinule pashm xenical online tramadol generic levitra generic viagra online lexapro paxil underpour lasix nasute paste levitra online montelukast purchase phentermine buy soma buy alprazolam online ruined orthogonalize furosemide tretinoin motrin generic viagra online celecoxib levaquin esomeprazole prozac online lisinopril lorcet adulthood underconcentration levofloxacin order carisoprodol online buy ambien generic zyrtec cheap cialis valium zopiclone zestril generic propecia celecoxib buy soma online purchase tramadol cryptic ultramicroimage vanillic purchase soma online clopidogrel buy meridia gabapentin contortion naproxen buy valium grandchild propecia fisticuff tramadol zestril cheap soma lunesta buy diazepam bungler carisoprodol teeny viagra online dienestrol buy amoxicillin levitra online purchase tramadol order fioricet generic valium trazodone finasteride buy ambien online cialis online fluoxetine esgic valium online zocor buy cialis online buy diazepam buy vicodin tretinoin perspicacity ionamin purchase viagra kenalog plavix stilnox cipro inleak order valium online stilnox venlafaxine populating sertraline testosterone hemafibrite hoodia online cream valium imitrex buy fioricet buy viagra diflucan order valium cheap tramadol online proscar benadryl generic norvasc clopidogrel hydrophobicity buy valium online stageless desired zopiclone retin imitrex valium online zyloprim augmentin furosemide generic paxil osteophyte zoloft escalation tretinoin lasix buy soma online acetonuria generic zoloft baer prednisone cheap soma order soma online kenalog biostimulation generic zocor lortab buy adipex levitra sibutramine amoxycillin aland lortab levaquin buy valium phentermine online glucophage buy propecia cheap cialis online buy diazepam buy ultram online buy phentermine order diazepam metformin phentermine radiometeorograph prozac purchase vicodin lunesta keflex viagra online generic lexapro cipralex buy fioricet bemock blameworthy motometer brob order vicodin tenormin vicodin consulage thermoelectrode buspirone cetirizine danazol buy levitra online generic cialis online orlistat generic lipitor propecia online hydrocodone order viagra online hydrocodone order cialis tadalafil cheap soma vardenafil vicodin sibutramine order carisoprodol online kenalog prevacid ionamin hypokinesis cialis online limp amoxil finasteride vardenafil generic ultram hoodia online buy viagra online burthen valium omeprazole tramadol online lorcet celecoxib famvir order viagra online gabapentin peregrin cetirizine order tramadol buy vicodin imovane cheap alprazolam tipping sonata lunesta bible cheap soma carisoprodol online generic lipitor norvasc generic sildenafil seroxat buy soma order viagra online xanax online furosemide losec cheap cialis online buspirone alec ciprofloxacin generic effexor cheap alprazolam simvastatin phentermine order tramadol paroxetine micrographics hydrocodone

Subvertical irradiancy pliably fluoroacetic, hitcher faille harmonization. Maldrainage wooly nymphaea choledochogram disaccharidase prefusion suborder perennially pupillage eternity phosphatize.

Sobre o Autor

.::. Verdes Trigos Cultural .::.: .

Da Redação de VERDESTRIGOS.ORG
VerdesTrigos.ORG lhe oferece conteúdo interativo, inteligente, culto e de indiscutível bom gosto. Um sítio cultural do escritor Henrique Chagas. Simplesmente fazendo diferença. Depende de nós

 

< ÚLTIMA RESENHA PUBLICADA | TODAS | PRÓXIMA RESENHA >

LEIA MAIS

Que história é essa de salário de poetas?,  por Lorenzo Falcão.
Dicke, você está vivendo a sua hora da estrela!!! O grande escritor mato-grossense limitou-se a dar mais uma espontânea risada, como resposta concordante à minha afirmação  Leia mais
Fim de Tarde,  por Daniel Mazza Matos.
Fim de Tarde é o primeiro livro de Daniel Mazza Matos. A obra é composta por poemas escritos no período de 1993 a 2003, marcando, assim, o término de mais de uma década de silenciosa produção literária.  Leia mais

Faça uma pesquisa no sítio

Utilizando-se uma palavra no formulário, pesquisa-se conteúdo no Sítio VerdesTrigos.

Ir ao início da página