Crônicas,contos e outros textos

PÁGINA PRINCIPAL LISTA DE TEXTOS Efraim Rodrigues


COMPARTILHAR FAVORITOS ver profile do autor fazer comentário Recomende para um amigo Assinar RSS salvar item em delicious relacionar no technorati participe de nossa comunidade no orkut galeria relacionar link VerdesTrigos no YouTube fazer uma busca no VerdesTrigos Imprimir

São Miguel das Missões Verdes Trigos em São Miguel das Missões/RS - Uma viagem cultural

VerdesTrigos está hospedado no Rede2

Leia mais

 




 

Link para VerdesTrigos

Se acha este sítio útil, linka-o no seu blog ou site.

Anuncie no VerdesTrigos

Anuncie seu livro, sua editora, sua arte ou seu blog no VerdesTrigos. Saiba como aqui

Aprendizes de moleque de recados

por Efraim Rodrigues *
publicado em 28/10/2007.

A fornada de jornalistas que ora sai das Universidades tem uma preocupação maior com ambiente do que jamais vi.

Toda semana eu atendo alguns estudantes, interessados em assuntos ambientais. Ver a causa ambiental tomando espaço na mídia é sempre uma boa notícia, mas alguns traços destes estudantes têm me preocupado.

É raro, por exemplo, um estudante identificar-se como tal. Eu entendo que muitos entrevistados não atendem estudantes. Porém, mentir para sua fonte é um começo ainda pior. Este é um primeiro critério que tenho para cortar entrevistas. A honestidade é um valor mais importante do que a ética ambiental, porque ela é a geradora desta ética. Sem ser honesto, não há como trabalhar com ambiente. É uma regra com numerosas exceções, mas não em meu escritório.
É também incompatível trabalhar com ambiente e ser arrogante. A típica mensagem de pedido de entrevista possui as palavras deadline e urgência. Eu não consigo cuidar nem das minhas, como vou atender ordens para cuidar das urgências de outros ?

Muitos estudantes de jornalismo também seguem o exemplo de nosso presidente. Não sabe, não leu e não viu. Naturalmente não me refiro às especificidades da área, mas às notícias. Há algumas semanas, a Lygia Fagundes Telles disse que haver muitos escritores não é problema. O problema é faltar leitores. Pareceu-me uma maneira educada de dizer aos novos para lerem mais.

Na Veja desta semana, um repórter perguntou ao presidente da Coca-Cola como que a empresa quer ser considerada sustentável com o consumo de água que tem. O repórter que tem em seu entrevistado sua única fonte de informação, não poderia ter sido agudo assim. Estudante de jornalismo que não é informado, é na verdade um aprendiz de menino de recado. Aprendiz de jornalista, não é.

É dever do jornalista, especialmente nestes tempos de serviços de informação gratuitos, ir para a entrevista preparado para se contrapor à sua fonte. Com educação, porém com astúcia, ele enriquece a entrevista. Para só transpor o que o entrevistado tem a dizer, certamente seria melhor pedir para ele que escrevesse o artigo de uma vez. Economizaria trabalho.

Por fim, a língua. Escrever errado não é exclusividade dos alunos de jornalismo. Não toque neste assunto quando estou corrigindo as provas dos alunos de agronomia. Mas é particularmente pior para aqueles que pretendem ser porta-vozes.

O que eu respondo para esta pergunta em minha caixa de e-mail: " - Teria como você está dando uma entrevista para nós. "

Sobre o Autor

Efraim Rodrigues: Efraim Rodrigues, Ph.D. (efraim@efraim.com.br) é doutor pela Universidade de Harvard, Professor Adjunto de Recursos Naturais na Universidade Estadual de Londrina, Consultor do Programa Fodepal da FAO-ONU e Editor da Editora Planta, sem fins lucrativos.

< ÚLTIMA PUBLICAÇÃO | TODAS | PRÓXIMA>

LEIA MAIS


Abaixo o Dia Mundial da Água, por Efraim Rodrigues.

Mendoza e a revolução falhada, por Adelto Gonçalves.

Últimos post´s no Blog Verdes Trigos


Busca no VerdesTrigos