Crônicas,contos e outros textos

PÁGINA PRINCIPAL LISTA DE TEXTOS Noga Lubicz Sklar


COMPARTILHAR tria')" > FAVORITOS ver profile do autor tria">fazer comentário Recomende para um amigo Assinar RSS tria" target="_blank" >salvar item em delicious relacionar no technorati participe de nossa comunidade no orkut galeria tria+Noga Lubicz Sklar&btnG=Pesquisar&meta=" target="_blank">relacionar link VerdesTrigos no YouTube fazer uma busca no VerdesTrigos Imprimir tria, de Noga Lubicz Sklar&body=Li, gostei e recomendo: Língua pátria de Noga Lubicz Sklar in http://www.verdestrigos.org/sitenovo/site/cronica_ver.asp?id=1345">

São Miguel das Missões Verdes Trigos em São Miguel das Missões/RS - Uma viagem cultural

VerdesTrigos está hospedado no Rede2

Leia mais

 




 

Link para VerdesTrigos

Se acha este sítio útil, linka-o no seu blog ou site.

Anuncie no VerdesTrigos

Anuncie seu livro, sua editora, sua arte ou seu blog no VerdesTrigos. Saiba como aqui

Língua pátria

por Noga Lubicz Sklar *
publicado em 23/08/2007.

Tem nova categoria de autor na praça, é, gente, sem querer pegar carona em um certo vocábulo que ascendeu faz pouco ao OGT - Olimpo do Glossário Televisivo -, e pra variar, sem apreço nenhum pelo idioma, nossa pobre, maltratada e traumatizada língua pátria. Pra quem acha que eu sempre sei do que estou falando, um aviso com interface amigável: sou muito dividida. Dividida entre ser leitora ou escritora, blogueira ou colunista, entre dois-pontos e ponto-e-vírgula, taí um caso sério. Enquanto eu continuar assim, escrevendo sobre o que eu leio e o que se publica em jornal, disso pelo menos eu sei: nunca, mas nunca mesmo serei levada a sério. Outra dúvida que sempre me ocorre - mais do âmbito da consciência que da reputação literária - é se devo ou não criticar outros autores, analisar, discutir, e eventualmente - é aí que a culpa pega - demolir o que escrevem.

Não se preocupem. Desta vez não vou falar mal do Jabuti, que divulgou os resultados ontem. Nutri até uma certa e gratuita simpatia por Carlos Nascimento Silva, um mineiro como eu, sessentão, educado no Rio de Janeiro e com cara de gente boa. O Desengano dele pode ser que seja dos bons, quem ler e gostar por favor me conte, porque eu, vocês sabem, ainda estou pagando as parcelas do meu engano do último ano, tá bom, prometo não falar mais nisso. O Carlos, pelo menos, dá pra ver que respeita o português, a língua, claro, não o... ah, deixa pra lá que ninguém é tão burro.

O que não parece o caso da nova classe de autores que queremos - stop. - que eu quero analisar aqui, analisar, eu hein, será mesmo que dá pra análise? Pra criar um departamento na PUC de São Paulo, com verba, patrocínio e pesquisadores abalizados, e publicar depois teses de doutorado sobre o tema? Mesmo que não se chegue a tanto, me embrenhei esta manhã numa pesquisa prévia e listei alguns tópicos, alguns caminhos, num breve rascunho de dissertação. Vejamos. Qualificar-se na classe é fácil, gratuito, mas não descubro de jeito nenhum como é que se consegue. Quem souber por favor me avise, prometo um crédito de última página, um link, um widget* ou outro bagulhinho promocional qualquer, ou explorando meus mais recentes exercícios de talento, um banner maravilhoso veiculado aqui no Noga Bloga mesmo, vocês sabem, o blog que mais cresce na internet. Os excelentes autores do meu projeto conseguem bem mais que isso, reparem: sem estar à venda em livrarias, sem terem sido publicados por editora grande, sem possuir site, blog ou verbete no wikipedia, e pasmem... sem saber sequer escrever direito, conseguem aparecer com destaque na mídia impressa, falando para milhões com um poder que vai da nota à foto de meia página, dependendo, é claro, não faço a menor idéia de quê. Do talento literário é que não é.

Se você que me lê ficar curioso, e resolver ir atrás dos autores citados, cairá no site charmosinho de uma editora - ou melhor, uma prestadora de serviços editoriais - das muitas que existem (nada contra, imaginem), e lerá pérolas como essa: "As pessoas não envelhecem. O que envelhece são as coisas em volta. Com o passar do tempo, cada objeto, cheiro e lugar vai se enrugando, se encurvando na sua direção natural, enquanto as pessoas, no incessante auge de sua juventude, vão tendo que se acostumar com as condições em eterna mudança das coisas. " [...] e por aí vai, numa profusão de vírgulas, plurais, gerúndios e figuras de linguagem equivocados, pra mim já deu. De onde isso vem não digo nem morta, ou vocês acham que vou entregar meus trunfos com essa facilidade toda? Pra alguém chegar por trás, sem a menor cerimônia, e piratear meu brilhante projeto acadêmico? Minha chance derradeira de vencer na vida? Pra quem se contentar com uma dica tipo caça-ao-tesouro, o referido autor foi mencionado sim, gente, hoje, e com o maior destaque, na página de maior destaque do maior jornal do país. Outra dica: não foi no suplemento literário não, viu? Já outro, ou melhor, outra, na mesma edição mas claro, em outro caderno, se destaca pelo seguinte: "em regime de lançamento soft-opening (?) prepara as festas de arremesso (?) em BH e SP, está tão empolgada que já começou a escrita (?) do seu segundo livro. Uma coisa que a impulsiona é o fato de a obra agradar às mulheres, seu público-alvo, e, sobretudo, aos homens."

Ufa. Como é difícil agradar a todos, ainda bem que eu não pretendo agradar ninguém, que texto esse meu, hein? Pra Jabuti já sei que não dá, com tanto vocábulo repetido... mas pra divulgação da autora, a nível, assim, de release, quem sabe acaba ajudando. Maiores informações nos links abaixo. Valeu, gente, um abração procês.

* ops. não sei muito bem o que é widget, portanto me desculpem se falei besteira, ah, sim: por favor elucidem. agradeço a colaboração de todos.

Sobre o Autor

Noga Lubicz Sklar: Noga Lubicz Sklar é escritora. Graduou-se como arquiteta e foi designer de jóias, móveis e objetos; desde 2004 se dedica exclusivamente à literatura. Hierosgamos - Diário de uma Sedução, lançado na FLIP 2007 pela Giz Editorial, é seu segundo livro publicado e seu primeiro romance. Tem vários artigos publicados nas áreas de culinária e comportamento. Atualmente Noga se dedica à crônica do cotidiano escrevendo diariamente em seu blog.

Para falar com Noga senda-lhe um e-mail ou add-lha no orkut.

< ÚLTIMA PUBLICAÇÃO | TODAS | PRÓXIMA>

LEIA MAIS


Ambientalismo frouxo, por Efraim Rodrigues.

A fria noite do silêncio, por Ronaldo Andrade.

Últimos post´s no Blog Verdes Trigos


Busca no VerdesTrigos