Crônicas,contos e outros textos

PÁGINA PRINCIPAL LISTA DE TEXTOS Jacinto Guerra


COMPARTILHAR FAVORITOS ver profile do autor fazer comentário Recomende para um amigo Assinar RSS salvar item em delicious relacionar no technorati participe de nossa comunidade no orkut galeria relacionar link VerdesTrigos no YouTube fazer uma busca no VerdesTrigos Imprimir

São Miguel das Missões Verdes Trigos em São Miguel das Missões/RS - Uma viagem cultural

VerdesTrigos está hospedado no Rede2

Leia mais

 




 

Link para VerdesTrigos

Se acha este sítio útil, linka-o no seu blog ou site.

Anuncie no VerdesTrigos

Anuncie seu livro, sua editora, sua arte ou seu blog no VerdesTrigos. Saiba como aqui

Em Brasília, um centro cultural para o poeta Cassiano Nunes

por Jacinto Guerra *
publicado em 21/10/2007.

No Caderno Pensar (Correio Braziliense, 20-10-07) o jornalista e crítico literário Pedro Paulo Rezende, afirma com clareza e propriedade: “A maior homenagem que Brasília poderia fazer para Cassiano Nunes seria transformar sua casa em um centro cultural. O jornalista tem toda razão: esta é, sem dúvida, a melhor iniciativa neste horizonte da cultura.

Conheço de perto o interesse e o empenho do Secretário de Cultura do DF, Silvestre Gorgulho, em preservar, da melhor forma possível, a memória de Cassiano Nunes (1921 - 2007), o poeta cuja obra pode ser lembrada em frase lapidar de um de seus mais belos poemas: “Nunca me sinto pobre ao contemplar as estrelas.”

Mais do que uma fantástica biblioteca, em área urbana densamente povoada na Asa Sul, o Centro Cultural Cassiano Nunes poderá ser uma obra definitiva do governador José Roberto Arruda, no sentido de enriquecer ainda mais o Patrimônio Cultural e Literário de nossa Brasília, na véspera de seu cinqüentenário.

Professor de literatura, poeta, conferencista e animador cultural dos mais notáveis que o Brasil conheceu, Cassiano Nunes nunca esteve na torre de marfim dos intelectuais: foi sempre um homem do povo, fazendo de sua casa na 711 Sul um espaço dos livros e das mais generosas idéias em benefício do Brasil que, no dizer do poeta, “apesar de tudo ...ainda persiste em ser uma terra de amor, como a celebrou Mário de Andrade num verso imortal do Noturno de Belo Horizonte.”

Por estas razões, as lideranças culturais e empresariais da cidade devem reivindicar, com empenho, ao GDF e à UnB, que transformem a Casa de Cassiano Nunes num ativo centro da memória cultural e literária da cidade que foi um grande amor de sua vida.

Natural de Santos, no litoral paulista, filhos de imigrantes portugueses, Cassiano estudou e lecionou em grandes universidades da Europa e dos Estados Unidos. Andou pelas ilhas de Cabo Verde e outros lugares mundo afora. Conheceu o Brasil das grandes cidades e o vasto interior do país, que ele muito admirava, dizendo que sua ambição, quando jovem, era “ser vento e geografia.”. Foi, sobretudo, um mestre muito querido e, como escritor, deixou prosa e poesia da melhor qualidade, demonstrando uma grande visão de esperança no Brasil – e uma crença sem limites nos altos valores da cultura humana.

Sobre o Autor

Jacinto Guerra: JACINTO GUERRA, mineiro de Bom Despacho, é autor de ensaios e biografias como o JK-Triunfo e Exílio-Um estadista brasileiro em Portugal, além de outros livros, entre os quais O gato de Curitiba - crônicas de viagem e outras histórias, editados pela Thesaurus, em Brasília.

< ÚLTIMA PUBLICAÇÃO | TODAS | PRÓXIMA>

LEIA MAIS


Terças Poéticas apresenta Maria Esther Maciel, por José Aloise Bahia.

Que é ter vergonha na cara?, por Leonardo Boff.

Últimos post´s no Blog Verdes Trigos


Busca no VerdesTrigos